ARTIA

Escritório de Projetos

O maior e melhor conteúdo gratuito de gerenciamento de projetos do Brasil

Acordei bem cedo, animada com a ideia de ir para a escola como “professora convidada” do quinto ano do fundamental, que não por uma coincidência, era a turma da minha filha, Luisa.

Fiquei tão ou mais ansiosa do que nos dias em que fui entrevistada pela mídia para falar sobre o meu trabalho em Alinhavos.

Voltar para a sala de aula para transmitir conteúdo sempre foi uma das minhas vontades, mas estar naquele lugar falando para crianças, me fez pensar na grandiosidade dessa função, já que as crianças te colocam num patamar de autoridade sobre o assunto. Só que na minha concepção espontânea, o conhecimento está sempre sendo construído, por isso, não costumo me colocar e nem colocar qualquer outra pessoa nesse lugar de “autoridade”. Prefiro me auto intitular uma “facilitadora” do assunto Moda Consciente, ou ainda, como uma estilista-educadora. Faz muito mais sentido para mim, e ao meu ver, é uma maneira mais democrática e amigável, assim como eu acredito que a construção do saber deve ser. Há de se ter muita responsabilidade de seus atos e do que se ensina, para estar nessa função. Fora que, além de estar naquele lugar como uma especialista em consumo consciente de moda, eu também estava como a mãe da Luisa. Deu para notar no olhar da minha filha a admiração, o carinho, por eu estar ali falando sobre o meu trabalho para os amigos de sala. Enfim! Uma responsabilidade enorme. Respirei, agradeci e fui!

A moda como ferramenta de transformação

Comecei a aula com uma pergunta bem simples, já que a minha ideia era aguçar a curiosidade para que eles fossem envolvidos no tema (mal sabia eu que eles já estavam super envolvidos!), além de tornar o assunto o mais acessível possível. Depois de me apresentar e contar brevemente a minha trajetória profissional, a pergunta que eu fiz para eles foi: De onde vêm as roupas? E para a minha surpresa, as crianças discorreram sobre uma gama ampla de assuntos e conceitos que são envolvidos direta e indiretamente no mercado de moda referentes ao aspecto social, político e econômico. Falamos sobre a função da roupa, que vai tão além da proteção, falamos de história da moda, diferenciação de gênero através da indumentária, o ciclo produtivo de uma peça de roupa, o processo de desenvolvimento de um produto e a quantidade de profissionais envolvidas em todas essas etapas. Eles questionaram sobre trabalho análogo à escravidão, uso de trabalho infantil nesse setor, o porquê importamos tantos produtos prontos de outros países se temos capacidade de produzi-los. Tanto conteúdo relacionado ao tema e tantos aprendizados (para ambos os lados!) em apenas uma hora de bate-papo! Que troca!

Despertar o olhar para o consumo consciente de moda

Meu objetivo principal era que as crianças se interessassem em destrinchar a complexidade que envolve o processo produtivo de uma peça de roupa e a engrenagem que compõe as etapas desse processo, mas para a minha surpresa, eles que já tinha lido Alinhavos, não só entenderam a importância de conhecer todo o processo, como também já haviam se aprofundado e analisado os desdobramentos que a decisão de comprar ou não uma peça de roupa pode ter. Os colegas de sala da Luisa me mostraram que já haviam adotado novos comportamentos de consumo e relacionamento com as marcas de moda, mediante os conhecimentos expostos no livro. E foi nesse momento que eu percebi que, além de eu ter meu objetivo inicial alcançado, o meu propósito com a publicação de um livro voltado para esse assunto havia sido cumprido. Ajudar a despertar o olhar para o consumo consciente de moda de uma nova geração de consumidores, esse é um dos meus propósitos de vida, esse é um trabalho que eu acredito que complementa e viabiliza para que a minha função de estilista amplie o seu propósito para além da propagadora de tendências, faz que para mim tenha muito mais sentido. Além do mais, eu percebi que com os conhecimentos adquiridos no livro, eles foram estimulados a construírem um repertório próprio sobre o assunto, fazendo do livro uma ferramenta que os provocou a irem atrás de muito mais informações sobre essa engrenagem tão complexa.  Que emoção foi perceber esse aprendizado que eles mesmos construíram em cima dos conceitos que eu reuni no meu livro!

A educação como ferramenta de transformação

Compartilhar conhecimento é um ato de generosidade, dar o exemplo, envolve e engaja as pessoas a fazerem o que fazemos. É por isso que, eu acredito na educação como a maneira mais eficiente de fazer deste, um mundo melhor para todos nós. Vamos juntos?

 

Atividades em casa

Confecção da máscara de proteção: absolutamente sem costura! (a partir de 10 anos) Siga o Passo a passo para fazer sua máscara;

Customização de uma peça de roupa, estender o tempo de vida de uma peça do armário, (a partir de 10 anos);

Troca de uniformes escolares: uma atividade possível de fazer on-line e que, além de ser uma atitude de consumo consciente, poderá também ajudar no orçamento familiar. Convidar os pais interessados para troca formarem um grupo em um aplicativo de mensagens, disponibilizando uma lista de itens para doação, e também uma listinha de interesses, e a partir daí, organizar as trocas, (a partir de 10 anos);

Entrevista por telefone: pedir para a criança ligar para os avós, tios, alguém que seja mais velho e perguntar: Como eles se vestiam quando eram crianças? Com qual frequência compravam roupas? Quando as roupas não serviam mais, havia o hábito de emprestar as roupas para as crianças mais novas da família, eram revendidas, doadas? Você tem alguma roupa especial guardada desta época? Você tem o hábito de comprar peças de segunda mão, se não tiver, por que? E peça que o entrevistado lhe envie uma foto. (a partir de 9 anos).

  

Atividades em sala de aula

Aqui você encontrará todas as entregas produzidas pelos alunos da Turma 151 de 2019 do Colégio Sagrado Coração de Jesus do projeto “O que está por trás das roupas que vestimos?”, lideradas pela educadora Deborah Valillo e inspiradas em Alinhavos – O futuro do planeta está no seu guarda-roupa.

Eles podem servir de exemplo para projetos similares a serem aplicados em sala de aula e também fora dela.

Agradecimento especial aos alunos e a Professora Deborah Vallilo que organizou o projeto e de forma brilhante motivou seus alunos a desenvolverem suas habilidades e aprofundarem seus conhecimentos.

Abaixo um pouco da contextualização do projeto.

 

O projeto foi feito para a mostra cultural 2019 do Colégio Sagrado Coração de Jesus que tinha como tema principal: Nós na construção de um mundo em equilíbrio: um novo olhar para o século XXI!

 

Baseado nesse tema, a turma 151 escolheu o sub tema “O que está por trás das roupas que vestimos?”

 

O trabalho foi desenvolvido por três meses (Setembro, Outubro e Novembro de 2019) e gerou as seguintes entregas:

  • Trabalhos em grupo
    • Grupo 1: Elaboração da entrevista com os alunos do Ensino Médio.
    • Grupo 2: Elaboração da entrevista com a autora do livro: Alinhavos.
    • Grupo 3: Elaboração de croquis de modelos de roupas.
  • Produtos complementares disponíveis abaixo para download
    • Podcast gravado pelos alunos;
    • Apresentação feita na mostra cultural 2019 sobre o projeto para os pais dos alunos;
    • Apresentação feita para os alunos da autora Alessandra Ponce Rocha do livro “Alinhavos O futuro do planeta está no seu guarda-roupa”
    • Estrutura Analítica do Projeto (EAP): estrutura gráfica do projeto com todas suas etapas e as entregas de cada etapa
    • Dicionário da EAP: que contém informações detalhadas sobre cada entrega do projeto.
    • Cronograma com detalhamento das atividades do projeto
    • Transcrição do podcast nas informações adicionais do dicionário da EAP.

 

 

Referências bibliográficas

Alinhavos O futuro do planeta está no seu guarda-roupa

Autora: Alessandra Ponce Rocha

Vendido na Amazon, na Panda Books e nas melhorias livrarias. 

 

 

Sobre a Autora

 

alessandraponce

Alessandra Ponce Rocha

Como pode uma estilista pregar o consumo consciente? 

É o único caminho viável, é o novo caminho, para onde acredito que irá toda a nova geração de designers.  

Criar para durar, com a mensagem do valor do produto e do seu impacto ambiental. Essa é a minha paixão! 

Criar produtos funcionais, com design atemporal e alinhados com o minimalismo chique e principalmente poder ajudar a formar uma geração de novos e conscientes consumidores. 

Em 2019, publiquei: “Alinhavos – O Futuro do planeta está no seu guarda-roupa”, o primeiro livro de consumo consciente de moda publicado no Brasil, destinado ao público infantojuvenil, e 
tenho direcionado meus esforços para trabalhar junto às escolas e famílias porque eu acredito muito na força de crianças e adolescentes como potenciais agentes de transformação. 

https://www.instagram.com/alessandraponce/

 

Login

Faça a diferença na sua vida c/ meu Livro + KIT p/ R$9,99